1/04/2011

Teatro dos Quatro



No dia 11 de julho de 1978 o Teatro dos 4 abria suas portas ao público. Começava, então a trajetória que iria marcar época na história nacional do Teatro.

O Teatro dos 4, nestes anos todos, constitui-se num dos mais importantes centros de produção teatral do Brasil. Firmando-se como um teatro de produção, tornou comercialmente viável um repertório que muitos achavam incompatível com o sucesso de uma casa de espetáculos. Mas em meio a isso, foi responsável pelo lançamento de autores ainda desconhecidos no Brasil, e acolhendo apresentações de outras manifestações artísticas que não o teatro, com o sentido de um verdadeiro centro cultural.

Com uma extensa lista de prêmios, suas produções, durante anos, foram reconhecidas e acolhidas por suas excepcionais qualidades. Alem disso o teatro tem hospedado muitos espetáculos de sucesso na cena nacional, sendo até hoje, na opinião dos próprios artistas, um dos teatros preferidos pelas condições que proporciona ao público e às produções.



7 comentários:

NaraBelmonte disse...

Parabéns por mais esta contribuição na valorização do TEATRO NACIONAL!

um abraço...

Deusa disse...

Adorando passear pelo seu blog
Parabens !!!
Parabens de verdade !!

Valéria disse...

Bibliotecas assim como os teatros, são meus ambientes favoritos, parece que neles tem um paz inexplicável.

BeijooO'

Deusa disse...

pssiuuuu.....
vim aqui te visitar
não para não de escrever
Volta vai ...rsrs
beijooo

Deusa disse...

Desistiu foi?
tsc tsc tsc ...rs
Fiquei um tempo tambem devagar
mas aos poucos estou voltando
Para não ...volta !!
Abraço Carinhoso
Lilian

♥cinderela♥ disse...

Oi coração fazendo um tour ,Passei por aqui ;)
Ótimo findi !
Beijos Meus !

Nayara Borato disse...

Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog Alma de poesia. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





Narroterapia:

Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

http://narroterapia.blogspot.com/